22 de junho de 2010

Casamento na roça





Junho é o mês dos folguedos
Não solte balão nas cidades
Há bolos quadrilhas brinquedos
Cantigas pra todas idades
Até na quadrilha infantil
A dança remexe o quadril

Há milho assado cheirando
Canjica, tapioca, cuscuz,
E todos dançando, cantando,
Ao redor da fogueira a luz
Aplausos por todos os lados
Festejando casais namorados

O sanfoneiro tocando
Corpos suados que riem
A noiva aparece chorando
O noivo fugiu, que agonia.
O padre chegando insiste
Vem logo juiz, não despiste

O moço volta assombrado
Tiroteio ressoa no ar
O sim dado de bom grado
A noiva sorri sem falar
O resto é só festança
Até quando o sol apontar




Um comentário:

victoria disse...

Gracias Lena por compartir este magnifico blog,un canto a la Naturaleza y a la vida..Sabes que soy fans deMafalda y tengo peliculas?Besitos desde España