12 de janeiro de 2011

Saber viver



Não sei... Se a vida é curta
Ou longa demais pra nós,
Mas sei que nada do que vivemos
Tem sentido, se não tocamos o coração das pessoas.

Muitas vezes basta ser:
Colo que acolhe,
Braço que envolve,
Palavra que conforta,
Silêncio que respeita,
Alegria que contagia,
Lágrima que corre,
Olhar que acaricia,
Desejo que sacia,
Amor que promove.

E isso não é coisa de outro mundo,
É o que dá sentido à vida.
É o que faz com que ela
Não seja nem curta,
Nem longa demais,
Mas que seja intensa,
Verdadeira, pura... Enquanto durar

Cora Coralina

2 comentários:

Tangerina disse...

o título do post me fez lembrar da canção do paralamas "saber amar, é saber deixar alguém te amar.", fiquei super lisonjeada pelo seu comentário no meu blog.
e vi que é de brasília, achei legal; tenho algumas lembranças daí.
achei tudo muitíssimo bonito, profundo e delicado.

eu também não poderia achar menos, com tanto cuidado e dedicação sua.

abreijos.

LENA SIMÕES disse...

Oi, Tangerina, obrigada pelo comentário. Beijo grande! Lena