6 de fevereiro de 2011

Já não tenho tempo





Contei meus anos e descobri
Que terei menos tempo para viver do que já tive até agora....
Tenho muito mais passado do que futuro...
Sinto-me como aquele menino que recebeu uma bacia de jabuticabas...
As primeiras, ele chupou displicentemente...
Mas, percebendo que faltam poucas, rói o caroço...

Já não tenho tempo para lidar com mediocridades...
Inquieto-me com os invejosos tentando destruir quem eles admiram.
Cobiçando seus lugares, talento e sorte...
Já não tenho tempo para administrar melindres de pessoas
As pessoas não debatem conteúdo, apenas rótulos...
Meu tempo tornou-se escasso para debater rótulos...
Quero a essência.... Minha alma tem pressa....
Sem muitas jabuticabas na bacia
Quero viver ao lado de gente humana...muito humana...
Que não foge de sua mortalidade.
Caminhar perto de coisas e pessoas de verdade....


Rubem Alves


5 comentários:

TRIBUNA-BRASIL.COM (O Indignado) disse...

Amiga LENA, a cada dia vivido na Terra, menos um de vida. Passando para tomar um cálice de vinho em barril de Carvalho. Continuo aguardando teus reclames. Abraços.

soniaconsult disse...

Jabuticaba? Adoro!
muitas ou poucas na bacia...o que vale é saber saborear... elas ou o momento? fica a critério de cada um!
Paz e Luz, amiga

Noe* disse...

Interessante que ontem mesmo eu estava pensando sobre isso. Pensando em como as pessoas que se veem por exemplo, com 90 anos, pensam sobre o que passou, sobre o que virá.
Fico contente que goste dos meus blogs.

Um beijo =**

manuel marques disse...

A vida já é curta, mas nós tornamo-la ainda mais curta, desperdiçando tempo .

Abraço.

Léria disse...

Booa noite meu anjo!
Fiquei muitoo feliz com sua visitinha e seu comentario,me comoveu mt *-*
Amei,sera sempre bem vindo! ^^
o seu blog pra mim é um encanto tb,pois sou louca por essa coisas,poesias e belas imagens!
sao muito profundas! entram dentro do meu ser e me encontrei em postagens aqui que me comoveram!
Uma LINDA semana cheia de alegrias e muita paz!
Bjaoooo