10 de março de 2011

Conselhos do Vinicius





"É... mas fui seguir os conselhos do Vinícius
E olha o que aconteceu!
Amei infinitamente cada momento...
Só não imaginei que o tempo,
Não era o mesmo para os dois...
Nessa hora, o infinito que durou
Foi só o meu.
Nem consegui contar os pedaços,
Da “fidelidade” em estilhaços,
Que feriram os sonhos meus”.


Rose Felliciano

4 comentários:

Rejane-Enajer disse...

Quem nunca passou por isso heim? tadinho do Vinicius, levou a culpa. (rsrs)

Um abraço!

soniaconsult disse...

Oi Lena!
Teu feriado foi legal?
O meu foi muito bom. Não pulei carnaval e nem sei quem é campeã.
Fiz de tudo um pouco!
Como disse a Rejane, quem já não sofreu com este jovem chamado Amor?
Ele costuma aprontar das suas com os corações mais sensíveis. O que vale é não desanimar!
bjinhos flor

Kiro Menezes disse...

Ai que triste!!! Lindamente triste!!!

Di disse...

Que lindo, mas sempre so na poesia e linda.
Beijao