4 de março de 2011

Vai dar certo



Se antes era difícil encontrar estabilidade no mercado de trabalho, hoje, ficou ainda mais complicado remar em águas calmas. Apesar disso, não adianta ficar reclamando e achar que de agora em diante está tudo perdido. Não, a competência de um profissional é medida, principalmente, em momentos de instabilidade. É a sua capacidade de atravessar marés turbulentas que fará de você a mina de ouro das empresas.

Mais do que nunca, a criatividade tornou-se imprescindível. Ser criativo não é somente ter boas idéias, é, sim, executá-las com eficácia, usar a intuição, desenvolver a visão de negócios e mais do nunca, correr riscos. Quem não corre riscos permanece estagnado, acuado e sem viço.

Você pode perguntar: "Criatividade é um conceito tão subjetivo?". Sim, ele é. Mas é, justamente, essa característica que faz a criatividade tão especial. Por quê? Porque ela agrega valor, porque, a princípio, ela não tem regras, é livre. Estimular a criatividade é fundamental, num mundo em que os produtos e os serviços são muito parecidos e os recursos, escassos. Simplificar processos, aprimorar sistemas, surpreender o consumidor e superar suas próprias expectativas são, hoje, pilares da gestão de negócios.

Um profissional competente, não é aquele que faz tudo direitinho, mas aquele que se permite errar, que permite arriscar, que joga munido de conhecimentos e boa dose de intuição. Sair do comodismo é fundamental. Por essa razão, buscar a experiência e ajuda do colega ao lado, não é feio, mas sim, uma forma produtiva de agregar valor à sua organização. Mais importante que vestir a camisa da empresa é vestir a sua camisa, obter as rédeas de sua carreira e construir ambientes propícios ao florescimento de sua porção criativa.

Por favor, tire de sua cabeça a palavra não. "Não consigo", "Não vai dar certo", "Não vai acontecer nada", "Não vou sobreviver". Hoje temos que criar e recriar. Sim, há cada vez menos empregos, mas os campeões vão ter sempre o seu lugar, porque sabem reinventar suas carreiras, encontram novas maneiras de atuar, não ficam nos bastidores roendo as unhas, passam isso sim, a atuar como os atores principais da peça da vida.


Roberto Shinyashiki 

5 comentários:

R.B.Côvo disse...

Gostei da perspectiva de que haverá sempre lugar para os criativos. Abraço.

soniaconsult disse...

Trabalho sempre terá.
O que falta é trabalhador comprometido com o trabalho.
O algo a mais é necessário em qualquer ambiente.
bjs Lena

Kiro Menezes disse...

Coragem, né, amorinha?! É o que falta bastante.

O medo de tentar, de ousar...

Lindo texto!!!

^_^•

" ESSÊNCIA ESTELAR MAYA " disse...

Lena querida,

Concordo plenamente com tudo que foi dito na mensagem.
Apenas acrescentaria que:
Independente da crise que um País esteja passando, a pessoa não pode entrar nesta vibração.
Vejo pessoas reclamando do governo, dos seus salários, dos patrões, etc..., mas elas não fazem o menor esforço para sair desta vibração de reclamação!
Toda a questão de ser um bom profissional e se preparar para o mercado, não vou comentar, porque o texto já disse tudo.
O que estou querendo dizer é que no nosso País o paternalismo ainda é muito grande.
Pessoas que se acomodam em receber bolsas não sei do quê, não vou sair de onde estou senão não vou receber tal ajuda... enfim, todos querendo ganhar uma ajudinha de tudo quanto é lugar.
Com isto elas perdem o respeito por sí próprias, porque não estão evoluindo, estagnaram suas Energias.
Portanto nada vai para frente.
(p.s.= Vou deixar bem claro que não tenho nada contra estes programas assistênciais do governo, afinal ele sabe muito bem aonde consegue segurar o povo não é?...rsrsrsr).

Diferente de uma pessoa que se assume e está sempre se reciclando e se transformando.
Esta pessoa é pura energia e nada contrário irá passar na sua frente.
O universo é movimento, quando estamos em sintonia com ele, todas as portas se abrem e tudo vêm até as nossas mãos.

Um grande beijo em seu coração!!!

Leandro Ruiz disse...

Quando somos pessimistas, é um grande passo para o abismo...

Shalon!!!