23 de julho de 2011

Perdão a si mesma




Eu me perdoo pelo querer desmedido, desajustado, e por todos os amores frustrados.

Me perdoo por tantas vezes ter fascinado, pelos julgamentos errados, por ter cedido ao desespero, pelo destempero.

Pelo sofrimento que causei a mim mesma, pelos pavores e fantasmas que alimentei, pelas friezas e franquezas que tanto me enfraqueceram.

Me perdoo por idealizar, perder a lucidez, cegar diante do óbvio.

Me perdoo pela ansiedade exagerada, pela sensibilidade amplificada, por me apegar ao nada.

Me perdoo pelos desencontros, pelas rejeições, pelos pequenos suicídios, pelas necessidades satisfeitas e pelos desejos inconfessáveis.

Me perdoo pelas vozes que ouço, pela mente em alvoroço.

E ainda me perdoo por permitir que machucassem meu coração e por todas as vezes em que meti os pés pelas mãos.

Me perdoo por aparentar segurança mesmo sem esperança.

Me perdoo por todas as ilusões e todas as decepções, pela raiva doentia que senti de mim mesma.

Me perdoo por querer controlar, pelo final infeliz e por tanta cicatriz.

Me perdoo por sofrer mais que o necessário, pelo entulho imaginário, pelo orgulho maldito e o dito pelo não dito.

Me perdoo pelas dependências, pelos vícios e suplícios, por não deixar fluir, por interferir, inibir, ferir e fugir.

Me perdoo pelos impulsos, pelas más tendências, pelas preferências, pelas tolices e rabugices.

Por errar, tropeçar, ameaçar.

E me perdoo principalmente por não ter aprendido a perdoar.




Fernanda Santos 



Phil Collins - Against All Odds (Take A Look At Me Now)




35 comentários:

Ma Ferreira disse...

Leninha..doce Flor!!

Só podemos seguir em frente se nos perdoarmos.
Mas vc ja percebeu que é muito mais facil perdoar o outro de que a nós?
Somos muito rudes conosco.
Temos que esquecer o que passou. Que sirva de lição. E seguindo em frente, como diz a musica..sempre!
Bjkas;;bom fds!
Ma

Perfeita Ordem disse...

Isso é uma verdadeira oração!
Vou levá-la comigo.
Beijos e um final de semana lindo e abençoado minha amiga!

Paulo Francisco disse...

É pra pensar.

¨E me perdoo principalmente por não ter aprendido a perdoar.¨

Será que não!
Muito este texto.
Um beijo grande

RELTIH disse...

TODO UN EJEMPLO DE VIDA. MUY BELLO PENSAMIENTO.
UN ABRAZO

AquilesMarchel disse...

selo ,pra voce
leia

Célia Gil, narciso silvestre disse...

Adorei o texto! Se não aprendermos a perdoar-nos a nós mesmos seremos incapazes de perdoar os outros!Bjkas

ELIANA-Coisas Boas da Vida disse...

LINDO SÁBADO PARA VC!
BEIJO

ANA ROOS disse...

Fantástico esse texto...

Lena, segues alguns blogs que eu sigo e acabei ficando curiosa em te visitar...
Com esse texto não dá pra não gostar de ti!

Beijos no coração

Milene R. F. S. disse...

É amiga, o que será mais difícil: perdoar aos outros ou a si mesmo? O que é mais difícil eu não sei, mas o que deve vir primeiro sim: perdoar a si mesmo, pois quem não se perdoa não tem condições de perdoar também os outros e a vida! Sempre o amar primeiro a si ( e isso não é egoísmo ) para depois estar repleto de amor para oferecer ao mundo e aos outros... e perdoar a si mesmo para que nossa alma esteja livre, leve e solta e principalmente mais flexível para perdoar os outros também! Até pq perdoar a si mesmo requer reconhecer que também somos falhos e se também falhamos pq não podemos perdoar as falhas alheias? Um bom final de semana para vc doce Lena, é sempre bom estar aqui, os textos que vc posta sempre me fazem refletir demais... beijão!

FlorAlpina disse...

Bonito este seu texto!

Desejo um bom fim de semana.

Bjs dos Alpes

manuel marques disse...

Aquele que não consegue perdoar, destrói a ponte por onde irá passar.

Beijo.

O Universo dos Pensamentos disse...

Somos mais exigentes conosco mesmo que com os outros. Perdoar é dificil, mas perdoar a nós mesmos é muito mais.

Boa tarde, Lena...

Bjos

Sô...

Natalia Campos disse...

Perdoar é um ato de amor. Sinal que ama a si mesma. Lindo texto. Beijos. Au revoir.

Du disse...

Lindo texto. Eu tento me perdoar, cada dia.
Beijos querida e bom fim de semana.

Su disse...

boa tarde pessoa muito muito querida, não sei nem por onde começar hoje...hehehe

seu texto é brilhante, às vezes acredito que é mais tranquilo perdoar as pessoas que nos ferem do que a nós mesmos pelos nossos erros, pelas "trombadas" quase que inevitáveis na vida... às vezes eu penso que me cobro demais de tantas coisas e ainda tenho muito o que aprender sobre o "perdão próprio", é difícil mas possível e assim vou nessa estrada, aprendendo sempre... vou tentar ser menos dura comigo, mas em algumas coisas bem específicas da vida mesmo... levo esse texto como lição e reflexão...

amiga, você me deu um presente sabia? Não conhecia esse seu cantinho tão especial "feito pra mim", puxa, fiquei emocionada em ler tudo por lá, você é muito querida mesmo, muito doce, e tudo aquilo que eu escrevi é de verdade, de coração mesmo! Só posso te dizer com letras bem grandonas e com o coração daqui: MUITO OBRIGADA!!!

Um lindo dia pra ti, essa semana tenho jornada pedagógica, devo ficar mais ausente, mas dando tempinho apareço...

te adoro, viu!

beijos, Su.

。♥ Smareis ♥。 disse...

Lena, que lindo texto. É um momento que me faz sempre refletir bastante. Perdoar...Perdoar... Perdoar a si próprio e mais difícil do que perdoar alguém. Vc acertou na escolha do texto. Parabéns. Gostei muito, e sempre que venho aqui saio muito feliz. Um beijo, e ótimo fim de semana. Smareis

Sobre o Tempo disse...

Um belo texto, Lena! Lhe desejo um ótimo fim de semana! Bjs

Milene R. F. S. disse...

Tem um selinho lá no melodia em versos para vc amiga. Fique à vontade para pega-lo quando quiser. Beijos!

marlene edir severino disse...

Parece simples, mas perdoar-se é difícil!

Vale meditar profundamente sobre cada frase e tentar intensificar o autoperdão

Abraço!

Meire disse...

Estrelinha de diamante, coisa mais difícil do que perdoar o outro é nos perdoar! Quando alguém pisoteia seu coração ficamos com raiva da pessoa, mas com mais raiva de nós por termos deixado entrar quem não merecia nem um pouquinho de nosso amor. Nos perdoar por ter momentos de tristeza, quando a alegria bate logo ali. Nos perdoar porque nos permitimos ultrapassar de nossos limites e chegar ao fundo do poço. Mas quando nos perdoamos sentimos o coração de volta ao lugar certo, tudo fica mais bonito e leve. Não podemos ficar carregando culpas eternas, nos machucando assim, pois não somos perfeitos.

Amore, adoro essa música, aliás Phil Collins tem uma voz que me fascina!

Te amo muitão! bjokitas achocolatadas :)

Sandra Portugal disse...

Amanhã o ProjetandoPessoas comemora 11 meses de existência! E de amanhã até 24/08, quando o Blog completa 1 ano de vida, preparei uma sequência de surpresas para o Blog, homenageando grandes amigos de jornada! Espero que você aprecie a minha forma de celebrar essa conquista e me passe seu feedback sincero a medida que meu plano de 30 dias de festa avance! Serão dias diferentes de postagens até aqui! Mas tenha certeza de que está sendo preparado com muito carinho para todos! Aguardo seus comentários, críticas construtivas ou sugestões, ok?
Com muita admiração e respeito por cada um de voces! bjs e abraços Sandra
http://projetandopessoas.blogspot.com//
@ProjetaPessoas
Projetandopessoas@hotmail.com

Calu disse...

Fico curiosa e pergunto:
__ Como foi que a autora leu meus desabafos guardados?
Do início ao fim, cada linha, cada vírgula está em seu devido lugar lembrando-me do que devo me perdoar.Amém!

Só podia ser vc, linda Lena, a trazer uma declaração dessas.Obrigada,
Bjkas,
Calu

Ingrid disse...

forte Lena..
sempre tão bem escolhidos..
beijos querida.. um lindo findi..

Alê disse...

Lena:

Me vi em tudo, e no final do texto, me senti perdoada,


Bjos

soniaconsult disse...

Eu te peço perdão por ter vindo te desejar um feliz dia do amigo!
Me perdoa?
Até parece que as pessoas mais queridas estou deixando de lado.
Mas não é verdade!
No dia 20, só consegui postar à noite e visitei uns 3 ou 4 blogs, depois o marido começou a encher a paciência querendo que eu desligasse o computador...
(que saco!)
Resumindo...somente hoje estou online.
Bjos minha querida e quero que saibas que mesmo distante ainda sinto o mesmo carinho por ti.
Um bom domingo e durma com os anjos

Vinicius.C disse...

Oi Lena!

Quero agradecer seu carinho, fico muito feliz em descobrir-me inesquecível!

Seu texto inteiro é uma delicia!

Como se possível fosse. Desgrudar os tons, absorver os sabores de um dia de sol e castigado pedir perdão por isso... pois que perdoados sejamos todos por viver, por querer e morrer de prazer... rs encantado!

Um beijo enorme meu amor e um ótimo fds!

Espero por vc no Alma!

Beijo

ॐ Shirley ॐ disse...

Querida Lena, para perdoarmos as pessoas, precisamos primeiro, exercitar o perdão em nós mesmos. Beijos!

Jan disse...

A M É M !
A M É M !
A M É M !

Artes e escritas disse...

Uma autocrítica moderada é tudo de bom. Um abraço, Yayá.

cidinha disse...

Olá, Lena. Belo post amiga! Diz muito de cada um de nós.Tudo seria mais fácil se conseguisemos nos perdoar de todos esses males que diz o texto.Más é para refretirmos e nos perdoarmos por não ter aprendido a perdoar! bjs , lindo domingo para vc.

Aclim disse...

Sabe que está perfeito, néh?

Lindo demais, mas eu te perdoo por ser assim, muito sábia...rs

Abraço

blog da Paraguassu disse...

Olá Lena amada,
Passando para deixar meu abraço e dizer que tem um selinho para você lá no meu blog.
Um grande beijo,
Maria Paraguassu.

MARILENE disse...

É muito importante que nos concedamos o perdão, mas que dele advenha mudanças de comportamento.
O perdão só é válido quando acompanhado do respectivo aprendizado.

Bjs

Severa Cabral(escritora) disse...

Minha gata e cheia de carinho!
Perdoar a si mesmo é trocar a dor da culpa pelo alívio da lição aprendida com a falha,pode ser uma experiência libertadora. Os erros, assim como os acertos, trazem conseqüências. Fica muito mais difícil lidar com essas conseqüências e seguir a vida com o peso de uma auto-condenação. Perdoar a si mesmo tem tudo a ver com amor próprio. Logo, seu eu me amo, não vou ficar me condenando, mas sim buscar a solução e tentar achar meios de não errar novamente. Tentar. Porque nunca estarei livre de errar.
Bjs para aquecer teu domingo!

mfc disse...

mas não será exactamente essa a forma de aprendermos?!
Se não repetirmos o erro já será muito bom!